Minfra afirma que o Brasil terá um crescimento sustentável em infraestrutura de transportes

Por Fetrabens | 08 de dezembro de 2021

Compartilhe:

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, destacou que a evolução em governança, do método e da estruturação de projetos, tornou mais seguros os projetos no país, o que resultará em um crescimento sustentável do investimento em infraestrutura de transportes no Brasil.

 

Como planos para 2022, o ministro sinalizou a participação de novos players em futuros leilões, especialmente nos de rodovias, portos e aeroportos.

 

Tarcísio prevê para o próximo ano o leilão de mais de 21 mil quilômetros de rodovias federais, a desestatização da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) e do Porto de Itajaí/SC, de dezesseis terminais aéreos, incluindo Congonhas/SP e Santos Dumont/RJ, além das novas licitações dos aeroportos de Viracopos/SP, Natal/RN, dentre outros.

 

Ainda estão previstos novos projetos rodoviários, como os das BRs 116, 493 e 465, entre Rio de Janeiro e Governador Valadares/MG e das rodovias do Paraná, tendo mais de R$ 44 bilhões em investimentos.

 

Fonte: Assessoria Especial de Comunicação do Ministério da Infraestrutura